O objectivo global do projecto DoIT-Diamarker (PPS2), foi definido na sua proposta aprovada no âmbito do QREN com o sendo

“A compreensão dos determinantes micro e macrovascular da diabetes e respectiva associação com biomarcadores genéticos, bem como a associação destes com complicações em múltiplos sistemas (coração, cérebro, vasos carotídeos, retina e rins), representará a criação de uma ferramenta biomédica de diagnóstico absolutamente inovadora e de elevado impacto económico.

É igualmente conhecido que a Diabetes tipo 2 representa um enorme problema de saúde pública. Dos cerca de 670,000 diabéticos existentes actualmente em Portugal, é muito provável que este número aumente para 1,000,000 em 2025, o que demonstra o impacto humano, social e económico que esta doença tem e terá em Portugal. Desta forma, o objectivo do presente projecto é o de estudar e estabelecer novos biomarcadores desta doença que permitam melhorar a abordagem clínica a este flagelo.”

A monitorização de longa duração de parâmetros cardiovasculares é um dos estudos de procura destes marcadores preconizado pelo projecto e ficou definido na proposta de projecto que seria a Universidade de Aveiro, em parceria com o serviço de Cardiologia dos Hospitais da Universidade de Coimbra e com a subcontratação da empresa de tecnologia biomédica Biodevices SA, que iriam desenvolver esta vertente do projecto.

Desta forma e como previsto, foi necessário desenvolver um conjunto de monitores cardíacos com capacidade para monitorizações de longo termo e em ambiente ambulatório, de preferência monitores que possam ser vestidos pelos doentes tornando a sua utilização o mais confortável e não-invasiva da sua actividade diária.

Start Date: 2012  End Date: 2015

Team/Members

xxxxx

Companies

Biodevices, xxxxx

News

xxxxx

Publications

xxxxx

Arquitectura do sistema e os sete passos do workflow proposto